O ministro da Economia, Paulo Guedes, participou, nesta terça-feira (14), de uma audiência pública, na Comissão Mista do Orçamento do Congresso Nacional, para debater a Lei Orçamentária de 2020. Paulo Guedes e sua equipe apresentaram dados econômicos que justificam a necessidade de aprovação da reforma da Previdência. O senador Izalci Lucas (PSDB/DF) participou da reunião.

O representante do Distrito Federal ressaltou que a atual situação econômica do país requer o compromisso do Congresso.

“O papel do Congresso é ter essa responsabilidade e não pode adiar essa votação. É uma pena que tenha que aprovar esse projeto (reforma) para pagar custeio. A coisa está muito clara que devemos não só votar a reforma previdenciária, como todas as outras reformas, principalmente, a reforma tributária. Eu, particularmente, aposto que a gente possa votar isso já no segundo semestre”, destacou Izalci Lucas.

O senador ainda lembrou que o Plano Real, implantado pelo seu partido, foi um sucesso, mas que não obteve o mesmo resultado nos governos pós-PSDB. “Eu sou do tempo da inflação de 3% ao dia e 82% ao mês. Nós plantamos e aguamos a planta. Só que depois, nos oito anos seguintes colheram os frutos e nos outros quase seis anos cortaram a árvore. Esse é o símbolo do nosso país”, disse Izalci se referindo aos governos petistas.

Izalci Lucas afirmou que “chegou a hora da gente plantar de novo”.

Foto: William Sant’Ana